Outubro Rosa: contra o câncer de mama

O Inca (Instituto Nacional de Câncer) divulgou que, no Brasil, o câncer de mama terá 52.680 novos casos até o fim do ano. O número é alarmante e nos mostra que a doença é mais comum do que parece.

Para alertar as mulheres sobre os riscos e a necessidade de diagnóstico precoce deste tipo de câncer, foi criado o movimento Outubro Rosa, um mês dedicado à conscientização e combate da doença.

O nome remete à cor do laço rosa, símbolo mundial da luta contra o câncer de mama, lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure (www.komen.org) na década de 20, nos EUA.

No ínicio, o movimento incentivava a população, empresas e entidades a enfeitar a cidade com os laços cor de rosa. Com a sua popularização, foram surgindo corridas, desfiles de moda com mulheres que venceram o câncer de mama, partidas de boliche e, mais recentemente, a iluminação de monumentos, prédios públicos, pontes, teatros, etc.

A popularidade do Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos em  torno de tão nobre causa. Isso faz com que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo. – outubrorosa.org.br

Como prevenir o câncer de mama?

1. Evite a obesidade, através de uma dieta equilibrada e prática regular de exercícios físicos

2. A ingestão de álcool, mesmo em quantidade moderada, é contra-indicada, pois é fator de risco para esse tipo de tumor, assim como a exposição a radiações ionizantes em idade inferior aos 35 anos.

3. Ainda não há certeza da associação do uso de pílulas anticoncepcionais com o aumento do risco para o câncer de mama. Podem estar mais predispostas a ter a doença mulheres que usaram contraceptivos orais de dosagens elevadas de estrogênio, que fizeram uso da medicação por longo período e as que usaram anticoncepcional em idade precoce, antes da primeira gravidez.

4. O autoexame das mamas não substitui o exame físico realizado pelo profissional de saúde qualificado para essa atividade. Por isso, vá regularmente ao médico.

Informações: INCA – Instituto Nacional de Câncer

Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s